DUNAS, PRAIAS DE ÁGUAS CLARAS E SOL O ANO INTEIRO: JERICOACORA É O PARAÍSO NO CEARÁ

25/06/2011 23:17

 

Jijoca de Jericoacoara, Jericoacoara ou apenas Jeri é o destino dos sonhos para os amantes de praia, sol, natureza e ecoturismo. Localizada a cerca de 320 km a noroeste de Fortaleza, capital do Ceará, Jeri era somente uma vila de pescadores há aproximadamente 20 anos. Nesta época, a cidade não tinha eletricidade, telefone e o acesso era bastante complicado. A cidade vem se transformando e se firma como um dos pontos turísticos mais belos do Brasil.

Até hoje não se chega a Jeri com o transporte público convencional, como ônibus ou avião. Para ter acesso à pequena vila há serviços de bugs e vans que fazem o translado diário dos visitantes. Entretanto, a dificuldade do acesso é recompensada com dunas de até 30 metros de altura, esculturas naturais das falésias, construídas ao longo dos anos pelo vento sempre presente, e belas praias de areias brancas e águas transparentes.

A beleza do local encantou o contador Rigardo Bêgo, que escolheu Jeri como destino para sua lua-de-mel. “Fiquei seis dias em Jericoacora. Escolhi o destino por indicação de uma pessoa que já havia estado lá. Minha primeira opção era Fortaleza, mas, depois de ver as fotos do lugar, mudei de ideia rapidamente”.

 Veja imagens de Jericoacoara

 Beleza natural

Não é para menos, como descreve o Ministério do Turismo, “qualquer um vira um grande fotógrafo em um cenário de sonho como Jericoacoara”. Entre as atrações, além das praias, há a Duna do Pôr-do-Sol, a Lagoa do Paraíso e a Duna de Tatajuba, como aconselha Ricardo.

“Para quem mora em uma cidade grande, como é o meu caso, é diferente e maravilhoso subir em uma duna que corresponde a um prédio de cinco andares e só ver o mar e o céu de lá de cima. Como não há nada que impeça a sua visão, apenas o sol e algumas nuvens, o visual fica perfeito”, descreve.

 Vai para Jeri? Veja dicas de de hospedagem e pacotes

 Na Duna do Pôr-do-Sol, visitantes e moradores se reúnem todos os dias ao fim da tarde para acompanhar a despedida do sol. Ao fim do espetáculo, todos aplaudem extasiados.

Angelo Jorge Meirelles de Farias, dono da pousada Casa do Ângelo, que recebe em torno de 600 mil visitantes por ano, indica ainda passeios de bug para as lagoas Azul e de Catajubas e uma caminhada até a Pedra Furada, um dos símbolos da região. Para chegar ao local, pode-se ir pela areia, quando a maré estiver baixa, ou seguindo a trilha do Morro do Serrote.

Facilidade

Quem visita Jeri não precisa alugar carro para os seus passeios e nem fazer reservas de roteiros com muita antecedência. Especialmente se sua visita for durante a baixa temporada, como fez o contador Ricardo. “Não foi preciso agendar nada, fechamos os passeios lá mesmo, ao chegar”. Nos hotéis e pousadas também fica fácil conseguir contatos de guias e agências de ecoturismo.

Mesmo quando cai a noite, Jericoacoara não perde seu encanto. “O céu é estrelado, mas muito estrelado mesmo. À noite também é quente o ano todo e o que anima é o forró”, diz Ricardo. Na alta temporada há forró todos os dias, na baixa, apenas as quartas-feiras e aos sábados.

Para comer

“Antes do forró tem que dar uma passada na Padaria São Francisco, ponto de encontro da madrugada. Além disso, há barracas de caipirinhas e batidas também e a roda de capoeira, que já está rolando quando o pessoal desce da duna depois de ver o sol se pôr”, lembra Ricardo.

Para as refeições, há opções para todos os gostos, com lembra o empresário Angelo. “Eu recomendo o Restaurante Azul do Mar, na Praia do Preá, e quem for tem que provar o robalo”, diz. Além disso, “existem vários bares, restaurantes italianos, argentinos... aqui a pessoa come muito bem”, completa.

 Saiba como chegar e quando ir a Jericoacoara

 Ricardo sugere ainda o Bistrôgonoff, que fica no Beco do Gualexó, número 60. “O carro chefe é o strogonoff, mas recomendo também o bife a milanesa", lembra. Além disso, há pratos para todos os gostos e quem curte peixes e frutos do mar tem muitas opções”, complementa. Outra dica do contador é o Kaze Sushi Bar, para os amantes de comida japonesa.

Perfil

Além de bela, Jeri vem se preparando cada vez mais para receber os turistas. Angelo, que está na cidade há 11 anos, diz que é o local é tranquilo, além de contar com sistema de energia subterrâneo e saneamento básico. Há ainda a previsão de um aeroporto internacional para 2014.

Apesar disso, tem alguns pontos negativos, como baixo investimento em segurança e atendimento precário na área da saúde. “Todos os lugares têm sua deficiência, Jericoacoara não seria a exceção, mas é um lugar muito agradável e convidativo”, destaca Angelo.

E Ricardo reforça o coro. “Jericoacoara é um mundo paralelo, sem violência, com um céu estrelado e sol o tempo todo, a comida é boa e o povo acolhedor, totalmente diferente da rotina das grandes cidades”, finaliza.
Fonte: Band

Voltar

Contato

Conselho Comunitário de Jericoacoara
Rua principal,00
Jericoacoara - Ceará - Brasil
62598-973

5588 9914 8625

Conselho Comunitário de Jericoacoara © Todos os direitos reservados.

A Serviço da Comunidade - www.jeri.org.br - info@jeri.org.br