O CAOS DO TRÂNSITO EM JERICOACOARA CONTINUA

28/07/2013 12:03

A população de Jericoacoara precisa se mobilizar urgentemente sobre o caos do trânsito na Vila de Jericoacoara.

 

Hoje teve até congestionamento em frente a praça Edvá Esmerino na rua principal.

 

Em maio o Conselho Comunitário convocou uma audiência pública para tratar esse problema do trânsito. O promotor de Justiça, Paulo Trece, ouviu a população. Houveram ânimos alterados, reclamações da abordagem do Detran a alguns moradores, mas no final terminamos sem definição concreta para o problema.

No mesmo mês, a Prefeitura de Jijoca que também estava na audiência representada pelo Prefeito Lindomar Filomeno, remete a câmara dos vereadores projeto que altera alguns parágrafos da lei do estacionamento. Uma dessas alterações é a permissão do veículo dos moradores estacionados na frente de sua residência no horário de 07:00 as 17:00hs desde que esse veículo não tenha uma finalidade comercial.

 

Foi feito audiência, foi alterada a lei, o povo perdeu seu tempo...mas, o mais importante não acontece, que é a "F I S C A L I Z A Ç Ã O" permanente para que os infratores cumpram a lei do estacionamento.

Será que nossos governantes estão esperando a falência múltipla do potencial do turismo em Jericoacoara?

 

E o povo, o que vai fazer? Será que vamos continuar a olhar apenas para nosso umbigo? Hoje "Eu" estou faturando bem e meu vizinho NÃO, mas o que importa sou "Eu" e não o meu vizinho. Até quando vamos ter esse pensamento individualista, solitário. Temos que ter em mente que a UNIÃO FAZ A FORÇA e esse é um momento do povo se unir em busca de soluções coletivas para Jericoacoara, pois podemos notar que ESTAMOS ABANDONADOS PELO PODER PÚBLICO!!!

 

SE CADA UM FIZER UM "POUQUIM" CONSTRUIREMOS O FUTURO QUE DESEJAMOS.

Voltar

Contato

Conselho Comunitário de Jericoacoara
Rua principal,00
Jericoacoara - Ceará - Brasil
62598-973

5588 9914 8625

Conselho Comunitário de Jericoacoara © Todos os direitos reservados.

A Serviço da Comunidade - www.jeri.org.br - info@jeri.org.br